Antonio Carlo, Meus companheiros, minhas dívidas

Já estávamos pelo final de 1976, de sorte que completara 22 anos de idade e, com o senso de responsabilidade de um pretenso adulto, senso muito acentuado pelo “desaparecimento” de uma geração imediatamente anterior à minha, fui encontrar-me com o atual deputado Ivan Valente, nosso “tio”, no auge dos seus 30 anos, num ponto clandestino e rumamos para um bar no catete. Não foi demorada a conversa. Eu levantara um problema. O texto da revista Pasado y Presente, nº43, escrito por “Antonio Carlo” me influenciara decisivamente. Era uma portentosa crítica ao Leninismo, O MEP (Movimento pela Emancipação do Proletariado, aliás ao chamá-lo de Movimento DE Emancipação do proletariado, o excelente historiador e figura humana ímpar, Jacob Gorender, comete um dos pequenos e raros erros do seu excelente livro “Combate nas trevas – a esquerda brasileira – das ilusões perdidas à luta armada”) era Leninista mas tinha duas coisas bem interessantes para mim, mesmo naquele final de 76. A mais importante era a sua auto definição como uma das fontes (o plural fazia toda a diferença) para a criação de um Partido dos Trabalhadores. A outra, sua determinação em rever os dogmas e desempoeirar a teoria marxista. Mas, Ivan deixou claro: Somos Leninistas e não há espaço para essa discussão entre nós. E conciliou: Podemos aceitar que você não se considere Leninista, continue entre nós, desde que não abra essa discussão interna.

Aceitei.

Imagino que pesou a falta de alternativa e a crença exagerada de que era necessário estar organizado para lutar contra a ditadura. Não me toquei na possibilidade da esquerda independente, provavelmente pelo dogma introjetado sobre o papel do revolucionário e pela pobreza teórica sobre o papel do indivíduo na história.

Boedo

Esquina da Avenida Boedo e San Juan, Buenos Aires

Não digo que me arrependo. Um amigo, Paulo Roberto, me alertou para a frase do mestre Yoda (star wars) “O futuro está sempre em movimento”. Impossível prever o futuro se tivesse recusado o acordo.  O futuro se moveu na direção da minha segunda prisão, em 1977, mas quem sabe? Poderia ter decidido voltar a Buenos Aires reencontrar a esquerda luxemburguista de lá e sido atropelado por um portenho bêbado na saída de uma noitada típica de tango na avenida Boedo, e lá falecer com os versos de Gardel ainda ressoando nas últimas conexões neurais
“Me voy, me voy a tierras extrañas.
Adios, caminos que he recorrido, rios, montes y quebradas.
Tapera donde he nacido”

Não, disso não me arrependo. Arrependo-me de não ter conversado com meus companheiros sobre a crítica ao leninismo, especialmente aos companheiros a quem assistia na Faculdade de Ciências Médicas da UERJ e aos operários navais de Niterói.

A muitos, pela distância que nos separou, jamais poderei me desculpar pessoalmente. Ficam públicas as escusas portanto. Aos que posso encontrar, procurarei encontros particulares e conversas sinceras.

A revista nº 43, tantas vezes lida foi perdida numa das muitas mudanças da vida. Reencontrar o texto do Antonio Carlo demorou. Apenas com a expansão da internet, há uns três ou quatro anos atrás, consegui localizá-lo. Imprimi e reli. A parte onde periodiza o pensamento de Lênin e o critica continua me parecendo excelente. A parte mais otimista, no entanto, a parte onde deposita uma fé na transformação socialista capitaneada por um movimento quase espontâneo da classe operária parece-me hoje datada e ultrapassada. Faltou o lembrete do mestre Yoda, o futuro está sempre em movimento.
Gostaria de saber a trajetória de Antonio Carlo, provavelmente um pseudônimo. Passado e presente. Devo muito a ele, a ousadia de questionar os ídolos da minha tribo. Fica aqui o texto salvo, caso o link do Cebrap suma.

a_concepcao_do_partido_revolucionario

A reflexão historiográfica sobre os rumos do bolchevismo, especialmente na URSS, foi muito aprofundada de lá para cá. Pouca repercussão entre a esquerda brasileira, é verdade, constituindo uma honrosa exceção a Revista Fevereiro, especialmente o filósofo político Ruy Fausto, embora não o acompanhe em várias de suas análises sobre o Brasil e a América Latina. É um mundo complicado. Querer ler a última página e selar um entendimento é uma ilusão.

“Não estamos perdidos. Ao contrário, venceremos se não tivermos desaprendido a aprender.”

 

Marcado com: , , , ,
Publicado em Política
  • Auto-proclamado vítima de armação, Aécio diz que Lula tem de "responder para a Justiça"
    Categoria:  Eleições Foto: PSDB       Jornal GGN - O senador Aécio Neves disse ao Estadão deste domingo (17) que, em função do que Lula representou para o País, não torce para que ele seja preso. Mas afirmou que o petista "tem de responder para a Justiça". O tucano disse que, na Lava Jato, é preciso separar o joio do trigo: quem lesou os cofres púb […]
  • Filósofa Marilena Chauí é a nova professora emérita da FFLCH-USP
    Categoria:  Educação Sugestão de Gilberto Cruvinel Outorga do Título de Professora Emérita à Marilena de Souza Chauí Da FFLCH-USP Durante seu discurso de agradecimento, a docente também proferiu uma aula sobre autoritarismo, defesa da universidade pública e concepção da docência Em sessão solene realizada no dia 13 de dezembro, às 14h, na Sala do Conselho Un […]
  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • A despedida do Balaio do Kotscho
    Adeus, amigos. Chegou a hora da despedida do Balaio do Kotscho aqui no R7, que publicou meu blog desde 2011. Foram quase seis anos e meio de convívio quase diário, de domingo a domingo (neste último, escrevi sobre o grande Rolando Boldrin, o "Sr.... Continue lendo
  • Última semana para a “reforma política”: eles só querem grana
    Acaba esta semana, no dia 7, o prazo para o Congresso Nacional terminar sua "reforma política" para que as mudanças propostas possam valer já na eleição de 2018. Como os dias úteis das excelências costumam terminar na quinta-feira, o tempo urge... Continue lendo
  • Político que não defender internet livre não se elege 16/12/2017
    Trump acabou com a internet livre nos EUA. Agora, os americanos vão ter que pagar muito mais caro para poder acessar SÓ alguns conteúdos. Se não quiser que o mesmo aconteça no Brasil, comece a se mexer JÁ. Há um jeito muito simples de impedir que Temer venda seu pescoço. De novo! Clique na imagem, leia a matéria e divulgue até não poder mais. Enquanto dá tem […]
    eduguim
  • Para economizar, Banco Mundial quer que Temer acabe com o ensino superior gratuito 22/11/2017
    Via Estadão Conteúdo em 21/11/2017 Para cortar gastos sem prejudicar os mais pobres, o governo deveria acabar com a gratuidade do ensino superior. Essa é uma das sugestões apresentadas no relatório “Um ajuste justo – propostas para aumentar eficiência e equidade do gasto público no Brasil”, elaborado pelo Banco Mundial. A ideia é que o […]
    bloglimpinhoecheiroso
  • PF investiga relação entre Aécio Neves, Cabral e ex-secretário da Casa Civil do Rio 17/12/2017
    A Polícia Federal investiga as relações do senador tucano Aécio Neves (MG)  com integrantes de escritório alvo na Lava Jato por fazer parte do esquema do ex-governador Sérgio Cabral (PMDB-RJ).... Blog de política Brasil. Os amigos do Presidente Lula
    noreply@blogger.com (Helena™)
  • Citados por propina devem responder apenas por caixa dois 17/12/2017
    Quase metade dos políticos acusados de serem beneficiados pelo departamento de propina da Odebrecht poderão responder por um crime considerado menor: o de falsidade ideológica eleitoral, mais... Blog de política Brasil. Os amigos do Presidente Lula
    noreply@blogger.com (Helena™)
  • Dispelling the Myths Behind "Bathroom Bills" and Other Forms of Transphobia
    Common and harmful misconceptions about trans and gender-nonconforming people are dismantled in the book "You're in the Wrong Bathroom!" The authors tell Truthout why they wanted to write a book that could enable allies to educate themselves, why no community is a monolith, and why they believe that understanding the origins of myths is " […]
  • A Killer Cop Gets Away With an Execution
    Like what you're reading? Help Truthout publish more articles like this one by donating now! Maybe it shouldn't be surprising anymore. A cop murders a sobbing, unarmed man as he's sprawled on the ground, begging not to be shot. This is one of the rare police killings where an officer was actually charged with a crime. But in the end, he was ac […]

Parece que o URL do site WordPress foi configurado incorretamente. Verifique o URL nas configurações do widget.

%d blogueiros gostam disto: