#Globomente e incita a violência

Na imagem, link para matéria sobre o #globomente

O uso político das palavras:

Ao se referir às pessoas, originalmente mata-mosquitos demitidos pelo Serra, que se confrontaram com os seguranças do Serra, o Globo os chama de “militantes” e “petistas”.

Ao se referir às tentativas de agressão contra Dilma, o tom é outro: Agora, é a “população” que ataca ou é um “estudante” quem atira uma bandeira.

“A candidata foi recebida com hostilidade pela população, que jogou objetos contra Dilma em duas ocasiões. Primeiro, três balões foram arremessados do alto de um edifício comercial durante sua passagem pelo calçadão da Rua XV, no centro da capital paranaense, onde fica a Boca Maldita. Os balões não atingiram a candidata, mas acertaram militantes. Em Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba, um estudante atirou uma bandeira contra o caminhão de onde Dilma cumprimentava eleitores.”

Neste caso, O Globo não critica, incita a violência.

Marcado com: ,
Publicado em Notícias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • A despedida do Balaio do Kotscho
    Adeus, amigos. Chegou a hora da despedida do Balaio do Kotscho aqui no R7, que publicou meu blog desde 2011. Foram quase seis anos e meio de convívio quase diário, de domingo a domingo (neste último, escrevi sobre o grande Rolando Boldrin, o "Sr.... Continue lendo
  • Última semana para a “reforma política”: eles só querem grana
    Acaba esta semana, no dia 7, o prazo para o Congresso Nacional terminar sua "reforma política" para que as mudanças propostas possam valer já na eleição de 2018. Como os dias úteis das excelências costumam terminar na quinta-feira, o tempo urge... Continue lendo
  • Assista Eduardo Guimarães falando ao vivo sobre 2018 22/10/2017
    Eduardo Guimarães fala ao vivo neste domingo 22 de outubro desde as 20:30 horas até as 21:00 horas. O post Assista Eduardo Guimarães falando ao vivo sobre 2018 apareceu primeiro em Blog da Cidadania.
    eduguim
  • Para sustentar tese, novamente MPF quebra sigilo telefônico de escritório que defende Lula 21/10/2017
    Pedro Canário, via Conjur em 20/10/2017 Em janeiro deste ano, o Ministério Público Federal pediu e conseguiu nova quebra de sigilo de comunicações entre advogado e cliente envolvendo o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A 13ª Vara Federal de Curitiba autorizou a quebra de sigilo telefônico de Glaucos da Costamarques para levantar as ligações […] […]
    bloglimpinhoecheiroso
  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • Unreality Distilled: The United States of Trump
    President Donald Trump speaks with Governor Ricardo Rossello of Puerto Rico during a meeting in the Oval Office of the White House in Washington, DC on Thursday, October 19, 2017. (Photo: Jabin Botsford / The Washington Post via Getty Images) Sometimes I talk to the president of the United States in my head. It always starts the same way: Dude, let me get th […]
  • George Monbiot: We Need a New Political Story of Empathy and Sharing to Replace Neoliberalism
    Neoliberalism is just a self-serving racket antithetical to human nature, says George Monbiot, author of Out of the Wreckage. But those of us who want a generous and inclusive society need to come up with new and compelling stories to seed the politics we desire and counter the stories neoliberals have been feeding us.The idea that human nature is inherently […]

Parece que o URL do site WordPress foi configurado incorretamente. Verifique o URL nas configurações do widget.

%d blogueiros gostam disto: