Aula de direito

São Paulo, 20 de setembro de 2010.

Excelentíssima Senhora Vice-Procuradora Geral Eleitoral

Acuso o recebimento do ofício de número 335/10-SC, expedido nos autos do procedimento PA/PGR 1.00.000.010796/2010-33 e, tempestiva e respeitosamente, passo a expor o que se segue.

Para melhor atender ao ofício requisitório de relação nominal de contratos de publicidade celebrados entre o Governo Federal e a Editora Confiança Ltda. – revista CartaCapital –, tomamos a iniciativa e a cautela de consultar, por meio de repórter da nossa sucursal de Brasília, os autos do procedimento geradores da determinação de Vossa Excelência. Verificamos tratar-se de denúncia anônima, baseada em meras e afrontosas ilações, ou seja, conjecturas sem apoio em elementos a conferir lastro de suficiência.

Permito-me observar que a transparência é princípio insubstituível a nortear esta publicação, iniciada em 1994 e sob minha responsabilidade. Nunca nos recusamos, portanto, dentro da legalidade, a apresentar nossos contratos e aceitar auditorias e perícias voltadas a revelar a ética que nos orienta. Não podemos, no entanto, aceitar uma denúncia anônima, que, como já decidiu o Supremo Tribunal Federal ao interpretar o artigo 5º, inciso IV, da Constituição da República (“é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato”), afronta o Estado democrático de Direito e por esta razão é indigna de acolhimento ou defesa e desprovida da qualidade jurídica documental.

A propósito do tema, ao apreciar o inquérito número 1.957-PR em sessão plenária realizada em 11 de maio de 2005, o STF decidiu, sobre o valor jurídico da denúncia anônima, só caber apurar a acusação dotada de um mínimo de idoneidade e amparada em outros elementos que permitam “apurar a sua verossimilhança, ou a sua veracidade ”.

Se esse órgão ministerial, apesar do exposto acima, delibera apresentar a requisição referida nesta missiva, seria antes de tudo necessário, nos termos do art. 2º da Lei nº 9.784/1999, esclarecer e indicar os motivos da mesma, justificação esta que se encontra, me apresso a sublinhar, ausente da aludida requisição.

Cabe ainda ressaltar que todos os contratos firmados pela Administração Pública federal com a Editora Confiança, em atenção ao art. 37 da Constituição Federal, foram devidamente publicados em Diário Oficial da União e nas informações disponibilizadas na internet e, portanto, estão disponíveis à V. Excia.

Por último, esclarecemos que o levantamento de dados referido na requisição desse órgão implicará em uma auditoria nos arquivos dessa editora quanto aos exercícios de 2009 e 2010. Evidentemente, essas providências não cabem em um exíguo prazo de 5 dias, mas demandam meses de trabalho. Desse modo, se justificada adequadamente a realização de um tal esforço, indagamos ainda sobre a responsabilidade pelos custos correspondentes.

Ausente os pressupostos que justifiquem a instauração da investigação, requeremos o seu arquivamento. E mais ainda, identificado o autor da denúncia ainda mantido sob anonimato, ou no caso desta Procuradoria entender pela existência de indícios a dar suporte à odiosa voz que nos carimba de “imprensa chapa-branca”, nos colocamos à disposição para prestar as informações e abrir nossos arquivos e sigilos bancários e fiscais, observados, sempre e invariavelmente, os preceitos legais aplicáveis.

Atenciosamente,

MINO CARTA
Diretor de redação e sócio majoritário
Editora Confiança Ltda

Publicado em Notícias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Semidistritão, tomada de três pinos e jabuticaba, por Luis Felipe Miguel
    Categoria:  Opinião Semidistritão, tomada de três pinos e jabuticaba por Luis Felipe Miguel Ao criticar a proposta do chamado "semidistritão", Bernardo Mello Franco a chama de "a nova tomada de três pinos", por ser "uma solução tupiniquim, de autoria desconhecida, que ajudará seus poucos criadores a se dar bem às custas da maioria […]
  • Indícios contra Vaccarezza são incapazes de sustentar uma ação, diz defesa
    Categoria:  Justiça Foto: Reprodução   Jornal GGN - Detido pela Polícia Federal, o ex-deputado federal Cândido Vaccarezza foi interrogado na tarde desta segunda-feira (21). Aos investigadores, Vaccarezza contou que o dinheiro apreendido pela Operação Abate, em sua residência, era para cobrir despesas de uma cirurgia de remoção de câncer de próstata. Explicou […]
  • MPF-PR e Moro barram investigações contra PF-PR 21/08/2017
    Marcelo Auler MPF da Força Tarefa do Paraná tenta barrar o segundo inquérito em torno da ação da Polícia Federal na Força Tarefa da Lava Jato. […] O post MPF-PR e Moro barram investigações contra PF-PR apareceu primeiro em Marcelo Auler.
    Marcelo Auler
  • Gilmar Mendes na berlinda. E agora Cámem Lúcia? 19/08/2017
    Marcelo Auler (atualizada às 23h300) Na semana em que a ministra Cármem Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), foi à rádio Jovem Pan e deixou […] O post Gilmar Mendes na berlinda. E agora Cámem Lúcia? apareceu primeiro em Marcelo Auler.
    Marcelo Auler
  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • Agressão contra professora é sinal dos tempos
    Nada me chocou mais neste agitado começo de semana do que a imagem da professora ensanguentada, depois de ser brutalmente espancada por um aluno de 15 anos, numa escola de Indaial, em Santa Catarina. Este é o mais fiel retrato da anomia social em que... Continue lendo
  • Sem lideranças, não há reforma, só gambiarras
    O que podemos esperar desta semana em Brasília? A agenda política marca para esta segunda-feira a visita do presidente do Paraguai e, na terça, a Câmara deve tentar mais uma vez votar alguma coisa da chamada "reforma política". Por enquanto, é o... Continue lendo
  • Lula será eleito porque reencarnou a esperança popular 22/08/2017
    Sabe quais são os únicos candidatos a presidente que estão se fortalecendo eleitoralmente no Brasil? Lula e Bolsonaro. Por que? Porque são os que prometem estancar o empobrecimento que Temer e os tucanos terão gerado. Só que Bolsonaro quer tirar do pobre e dar ao rico e Lula quer tirar do rico e dar ao pobre - não existe almoço grátis: para um grupo ganhar, […]
    eduguim
  • O louco com armas nucleares é Donald Trump, não Kim Jong-un 22/08/2017
    Mehdi Hasan, via The Intercept Brasil em 11/8/2017 Para variar, Donald Trump tem razão. “Nós não podemos deixar um louco com acesso a armas nucleares livre desse jeito”, ele disse ao presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, de acordo com a transcrição de sua bizarra conversa telefônica que foi vazada ao The Intercept em maio. O […]
    bloglimpinhoecheiroso
  • Facebook me pede R$ 3 para divulgar censura do Google. Topo se divulgar a dele junto 22/08/2017
    O Facebook me pediu R$ 3 (detalhe em amarelo na imagem) para divulgar uma postagem em que eu denunciava a censura do Google à mídia alternativa e de esquerda: Google censura comunicação alternativa mundial em obediência à campanha da mídia corporativa sobre 'fake news'.Só que eu também havia postado lá no Face uma chamada para outra postagem aqui d […]
    Antonio Mello
  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Parece que o URL do site WordPress foi configurado incorretamente. Verifique o URL nas configurações do widget.

%d blogueiros gostam disto: