Gente bonita

A entrevista do "gente bonita" Foto: Fábio Motta/AE

Uma amiga em especial, de quem gosto muito, costuma me chamar a eventos dizendo que lá “só tem gente bonita”.

Entendo perfeitamente que ela se refere a este “gente bonita” não como uma seleção estética natural, inata. Mas como a beleza que a grana proporciona, o bem vestir, os cremes, os tratos, o charme da auto estima aguçada pela sensação do sucesso.

É o meu meio mas não é a minha praia. Quero dizer: nasci aí mas não me sinto à vontade nestes ambientes; normalmente o que meu cérebro filtra não é a beleza mas a futilidade, a avareza, a competição, a ilusão de uma superioridade, o fingimento de que as próprias excreções foram suprimidas.

E, no entanto, gosto da beleza. Gosto do alinhado. O problema é ter a beleza ou o refinamento como medida de casta. É o anseio de que haja o feio para haver a comparação. E bater no feio para que ele não ascenda ao belo.

Caetano é “gente bonita”. Acho que ele é uma tradução perfeita deste comportamento.  Se um “cafona” quiser ocupar um espaço musical, Caetano será aliado. Mas, ai dele se quiser ocupar um espaço político.

Sindicalistas ocupando espaços de poder? Não são elegantes. Pau neles.

Gosto do Caetano ainda que padeça de amusia. Dificilmente me encanto por alguma música como foco principal. A música para mim é uma trilha sonora, tem que acompanhar algo: um filme, uma ação, um trabalho. Não mantenho a atenção na melodia por mais de alguns segundos. Fui ao show do Caetano no RJ. Foi um tormento. Mas boto suas músicas frequentemente para tocar como trilha musical.

E o Caetano é inteligente.

Hoje o Estadão publica entrevista onde ele chama o Lula de analfabeto, cafona e grosseiro.

Fiquei contente por não sentir nenhum pingo de raiva ou decepção.

Tirante a grosseira mentira sobre o analfabetismo, totalmente dispensável, dá para entender o muso da “gente bonita” e até respeitar seu anseio por gente fina no poder.

Essa estética do poder não me move nem comove mas é real. É bom que ela seja expressa.

Concordo com Caetano sobre a ênfase no papel de Freud para nos ajudar a compreender os limites da natureza humana; ou dito melhor, para nos ajudar a extrapolar os limites do racionalismo no entendimento sobre a vida social da humanidade.

Ao contrário de Caetano, não creio que se possa contrapor Freud a Marx.

Clifford Geertz, antropólogo americano, fez um alerta interessante sobre o abuso das novidades intelectuais que lançam luz sobre algum aspecto pouco compreendido ou totalmente incompreendido. Eu interpreto e estendo este alerta a qualquer doutrinarismo seja o freudismo, o marxismo, o darwinismo, o “quantismo”. Lembro que já vi em prateleiras de livarias títulos como “A administração quântica”. O sucesso da teoria, ao iluminar alguns aspectos do saber humano, sempre limitado,  traz o efeito colateral da tentativa de extrapolar e aplicar os mesmos conceitos para um inexistente “campo unificado” do conhecimento.

Tirante isto, também acho que Freud ilumina muitas coisas. Inclusive pode iluminar essa minha sensação de estranhamento em relação à “gente bonita”. Não porei, no entanto, tais confissões aqui…

Tenho me esforçado para ler os argumentos das pessoas sem tentar desqualificá-los pelo método de identificar alguma razão oculta.

Paulo Henrique Amorim, que tem se revelado um grande “punchista”, boxeador, na arte da luta política desabrida, sem peias nem amarras, não tem o mesmo procedimento. Contraditoriamente, confesso que me divirto com as sacadas dele. No caso de Caetano, PH  especula: “É porque não faz mais sucesso ? Porque não se vê mais ninguém a cantar música dele ? É a ‘síndrome Arnaldo Jabor’ ?. O Jabor passou a falar mal do Lula quando deixou de fazer cinema. É vontade de ir para a Globo ?”

Eu creio que não. Acho que é apenas mais um discurso de “gente bonita” que precisa bater na gente feia quando esta invade a reserva de  mercado da casta.

Publicado em Notícias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • Ordem no cabaré 23/09/2017
    Arnaldo César (*) Gostem ou desgostem, o recado está dado: Ou, o executivo, o legislativo e o judiciário tomam tenência na vida e acabam com essa […] O post Ordem no cabaré apareceu primeiro em Marcelo Auler.
    Marcelo Auler
  • Práticas espúrias do Congresso no banco dos réus 22/09/2017
    Marcelo Auler Pode parecer mais uma atividade de denúncia do nosso sistema político espúrio, corrupto e, para muitos, falido. Mas, a realização da 4ª Sessão do […] O post Práticas espúrias do Congresso no banco dos réus apareceu primeiro em Marcelo Auler.
    Marcelo Auler
  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • Nova denúncia contra Temer: vale a pena ver tudo de novo?
    É como reprise de novela: você já conhece o elenco, a trama e o final. Os personagens são os mesmos. Vale a pena ver tudo de novo? A partir desta segunda-feira, a Câmara deixa tudo de lado para julgar a nova denúncia apresentada pela PGR contra o... Continue lendo
  • Dorival erra feio nas substituições e estraga festa no Morumbi
    Tinha tudo para ser uma grande festa Tricolor no Morumbi lotado por mais um público recorde na manhã deste domingo. Até a metade do segundo tempo, o São Paulo vinha fazendo sua melhor partida sob o comando de Dorival Júnior, dominava completamente... Continue lendo
  • Brasil começa a crer que sofreu golpe de Estado 25/09/2017
    Foi quase de enlouquecer ter visto o povo brasileiro apoiando a derrubada de um governo que era a única coisa que defendia esse mesmo povo da sanha saqueadora dos tucanos e dos peemedebês. Os brasileiros conscientes sofremos essa tortura. Pela pátria. Mas começamos a ser redimidos. Já não era sem tempo...
    eduguim
  • Desigualdade, desemprego e violência: Assim é o país do ajuste fiscal de Meirelles 25/09/2017
    Programa de reformas do ministro da Fazenda é voltado a 0,2% da população, agrava disparidades sociais e econômicas e pretende promover um retorno ao período anterior a 1930. Samuel Pinheiro Guimarães, via RBA em 17/9/2017 1) O programa econômico do senhor Henrique Meirelles, atual ministro da Fazenda; ex-presidente do BankBoston entre 1996 e 1999 e […] […]
    bloglimpinhoecheiroso
  • Membro do MBL que pintou muro de Doria ganha boquinha na prefeitura 25/09/2017
    João Doria (PSDB) contratou um integrante do MBL (Movimento Brasil Livre) que ajudou a apagar uma pichação feita por manifestantes na casa do prefeito, nos Jardins (zona oeste de SP). O gesto mostra... Blog de política Brasil. Os amigos do Presidente Lula
    noreply@blogger.com (Helena™)
  • Ipsos: cai desaprovação a Lula e sobe rejeição a Moro e Bolsonaro 25/09/2017
    O ex-presidente Lula teve seu índice de desaprovação reduzido e sua taxa de aprovação ampliada em setembro na comparação com o mês anterior, segundo o mais recente Barômetro Político, pesquisa mensal... Blog de política Brasil. Os amigos do Presidente Lula
    noreply@blogger.com (Helena™)

Parece que o URL do site WordPress foi configurado incorretamente. Verifique o URL nas configurações do widget.

%d blogueiros gostam disto: