AJUFE desmente Gilmar

Oposição não gostou

pactoide

PPS indignado com Polícia Federal

O PPS divulgou nota oficial repudiando “informações” vazadas pela Polícia Federal na Operação Castelo de Areia de que o partido estaria envolvido em doação ilegal de campanha feita pela Construtora Camargo Corrêa. O texto, assinado pelo presidente, Roberto Freire, rechaça essa afirmação e “repudia o uso político da Polícia Federal pelo governo Lula para tentar atingir os partidos de oposição”.

“O PPS não aceita doação de “recursos não contabilizados”, diz a nota, numa referência ao termo utilizado pelo ex-tesoureiro do PT no escândalo do mensalão. O partido, conclui a nota, “exige total esclarecimento”, e adianta que vai processar civil e criminalmente os responsáveis pela acusação leviana.”

Castelo de Cartas

Juiz De Sanctis continua trabalhando

castelo-de-areia

Acompanhe a operação com Bob FernandesÀs 19:07, o terra magazine dava os nomes dos partidos. Até às 20:50 o trio Estadão, FSP e O Globo nada. Noblat relatou uma doação legal para o Agripino Maia (DEM/RN)

 

Será que desta vez os corruptores serão responsabilizados? Ou derubam o juiz De Sanctis amanhã? Atualização em 26/03: Julgamento de De Sanctis foi adiado, veja verifique aqui no conversa afiada

Para Ajufe, Gilmar foi desrespeitoso e leviano

NOTA PÚBLICA – Ajufe responde a declarações de Gilmar Mendes durante sabatina (24/03/2009 )

Blog do Sátiro


A Associação dos Juízes Federais do Brasil – AJUFE, entidade de âmbito nacional da magistratura federal, vem a público manifestar sua veemente discordância em relação à afirmação feita pelo presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Gilmar Mendes, que, ao participar de sabatina promovida pelo jornal “Folha de S. Paulo”, disse que, ao ser decretada, pela segunda vez, a prisão do banqueiro Daniel Dantas, houve uma tentativa de desmoralizar-se o Supremo Tribunal Federal e que (sic) “houve uma reunião de juízes que intimidaram os desembargadores a não conceder habeas corpus”.
 
Conquanto se reconheça ao ministro o direito de expressar livremente sua opinião, essas afirmações são desrespeitosas aos juízes de primeiro grau de São Paulo, aos desembargadores do Tribunal Regional Federal da Terceira Região e também a um ministro do Supremo Tribunal Federal.
 
Com efeito, é imperioso lembrar que, ao julgar o habeas corpus impetrado no Supremo Tribunal Federal em favor do banqueiro Daniel Dantas, um dos membros dessa Corte, o ministro Marco Aurélio, negou a ordem, reconhecendo a existência de fundamento para a decretação da prisão.
 
Não se pode dizer que, ao assim decidir, esse ministro, um dos mais antigos da Corte, o tenha feito para desmoralizá-la. Portanto, rejeita-se com veemência essa lamentável afirmação.
 
No que toca à afirmação de que juízes se reuniram e intimidaram desembargadores a não conceder habeas corpus, a afirmação não só é desrespeitosa, mas também ofensiva. Em primeiro lugar porque atribui a juízes um poder que não possuem, o de intimidar membros de tribunal. Em segundo lugar porque diminui a capacidade de discernimento dos membros do tribunal, que estariam sujeitos a (sic) “intimidação” por parte de juízes.
 
Não se sabe como o ministro teria tido conhecimento de qualquer reunião, mas sem dúvida alguma está ele novamente sendo veículo de maledicências. Não é esta a hora para tratar do tema da reunião, mas em nenhum momento, repita-se, em nenhum momento, qualquer juiz tentou intimidar qualquer desembargador. É leviano afirmar o contrário.
 
Se o ministro reconhece, como o fez ao ser sabatinado, que suas manifestações servem de orientação em razão de seu papel político e institucional de presidente do Supremo Tribunal Federal e do Conselho Nacional de Justiça, deve reconhecer também que suas afirmações devem ser feitas com a máxima responsabilidade.
 
Brasília, 24 de março de 2009.

Ó musa, que me engana

miriam

Achei que ia concordar com a musa do PIG. Se o Banco Central tivesse diminuído os juros da dívida pública desde que a crise internacional ganhou contornos claros haveria mais dinheiro para o pacote da habitação. Qual nada!

A ladainha de sempre, diminuir o Estado. Haja paciência.


Fotos contradizem Gimar Mendes

Na sabatina da Folha, o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Gilmar Mendes, afirmou que não sabia de alguma desobediência à súmula das algemas. E que se orgulha muito dela. Como, na mesma sabatina, ele disse que acorda cedo, lê e responde a e-mails, e lê jornais, fica uma pergunta: O ministro não lê O Globo?

Pois na página 11 da edição de hoje do jornalão dos Marinho (com quem Gilmar teria almoçado ontem) temos estas duas fotos a seguir, que mostram claramente que a súmula das algemas só está valendo para os de sempre, os ricos. Os pobres continuam tratados assim, algemados, cabeça para baixo, e até com a botina do milico sobre a cabeça, como na foto maior.

PMs do Rio algemam e pisam na cabeça de presos

As fotos são de André Teixeira e Domingos Peixoto

O texto é do blog do Mello

Algo se move no Sul

 

São os cara pintadas de Pelotas, Santa Maria e Porto Alegre. Veja Confira no RS Urgente

 

 

viomundo

Publicado em Notícias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • Governo golpista coloca em prática o Menos Médicos. Por Dilma Rousseff 18/11/2017
    Do Twitter de Dilma Rousseff O presidente usurpador promete assinar decreto proibindo a criação de cursos de medicina no Brasil por 5 anos. É exatamente o contrário do que o Brasil precisa. O governo golpista está cometendo um atentado contra a saúde da população. O Brasil tem no máximo a metade do número de médicos […] O post Governo golpista coloca em prát […]
    Diario do Centro do Mundo
  • Fake news da Folha: “feministas por Bolsonaro” não são ninguém. Por Luis Felipe Miguel 18/11/2017
    Publicado no Facebook de Luis Felipe Miguel, professor da UnB O jornal paulistano continua dando gás ao representante neofascista do Rio de Janeiro. Hoje, dedica um terço de página às “feministas por Bolsonaro”, com título explicando o motivo desse apoio tão surpreendente (o pretenso “discurso duro contra assédio”). Quem são essas “feministas por Bolsonaro”? […]
    Diario do Centro do Mundo
  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • A despedida do Balaio do Kotscho
    Adeus, amigos. Chegou a hora da despedida do Balaio do Kotscho aqui no R7, que publicou meu blog desde 2011. Foram quase seis anos e meio de convívio quase diário, de domingo a domingo (neste último, escrevi sobre o grande Rolando Boldrin, o "Sr.... Continue lendo
  • Última semana para a “reforma política”: eles só querem grana
    Acaba esta semana, no dia 7, o prazo para o Congresso Nacional terminar sua "reforma política" para que as mudanças propostas possam valer já na eleição de 2018. Como os dias úteis das excelências costumam terminar na quinta-feira, o tempo urge... Continue lendo
  • Vox Populi: Lava Jato e crise elegem Lula em 1º turno 17/11/2017
    Não é justo dizer que só a perseguição da Lava Jato a Lula é responsável pelos números da última pesquisa CUT-Vox Populi. A política econômica e as reformas massacrantes de Temer também estão contribuindo. Lula é hoje o candidato a presidente com menor rejeição e capaz de vencer no primeiro turno. E os candidatos do PSDB se tornaram campeões em rejeição. O p […]
    eduguim
  • Quem são os 18 homens que querem legislar sobre o corpo das mulheres 14/11/2017
    João Filho, via The Intercept Brasil em 12/11/2017 Em uma manobra pouco republicana e nada cristã, a bancada da bíblia incluiu uma mudança constitucional em uma PEC que pretendia apenas ampliar a licença-maternidade para mães de bebês prematuros. A alteração, feita por uma comissão especial da Câmara, torna ilegal qualquer tipo de aborto, inclusive em […] […]
    bloglimpinhoecheiroso
  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Parece que o URL do site WordPress foi configurado incorretamente. Verifique o URL nas configurações do widget.

%d blogueiros gostam disto: