Trololó

Deputado Jungmann: “Doação não me invalida na CPI”

Membro da CPI que investiga o delegado Protógenes, o deputado considera irrelevante o fato de ter recebido a doação da módica quantia de R$ 10.000,00 de um executivo do Opportunity. A afirmação do deputado aparece junto à revelação de que Daniel Dantas fez doação de R$ 30,4 milhões a um partido. Deputado diz que quer Daniel Dantas na cadeia. Reportagem Aqui.

Regras Gramaticais para o Uso do Aposto by The Globo

Quer dizer, do suposto:

“Na terça-feira, o presidente da CPI, Marcelo Itagiba (PMDB-RJ), também voltou a defender que a CPI peça o indiciamento de Protógenes e do ex-diretor da Abin, Paulo Lacerda, por falso testemunho à comissão, e de Daniel Dantas, por supostamente ter ordenado escutas ilegais. No próximo dia 1º de abril, a CPI vai voltar a inquirir Protógenes .

Fácil: Antes dos nomes de amigos ou cúmplices use o “suposto”; nos outros casos, esqueça.

“O senhor tome cuidado ao fazer este tipo de pergunta”!

gilmar-dantas

Assista

Presidente do STF fez este tipo de ameaça a jornalista no Acre

Os colonistas do PIG vão estrebuchar contra a ameaça à liberdade de imprensa?

Duvideodó

Outro ministro do STF havia dito “A pior ditadura é a ditadura da toga”. Apontava para juízes que combatem a corrupção. Péssima mira. A ameaça mora ao seu lado, como já noticiamos aqui.

Diga-me com quem andas.

Da entrevista de FHC:

Gilmar Mendes: corajoso.
Protógenes: amalucado.
Daniel Dantas: “não conheço bem, mas dizem que é brilhante”.

“não conheço bem” é super interessante, afinal FHC recebeu Daniel Dantas em 2002 no Palácio do Planalto altas horas da noite. Poucos dias depois, o governo interferiu na Previ e deu fôlego ao banqueiro na queda-de-braço contra as fundações.

Denúncias que ficam ao léu.

Luis Nassif responsabiliza FHC pela insitucionalização do crime organizado no centro do poder político.  

Denúncias graves de Nassif no seu livro “Os Cabeças de Planilha” sobre enriquecimento ilícito de importantes figuras do mundo financeiro e político, ficaram no limbo, não despertaram curiosidade jornalística nem do Ministério Público. 

Hoje Nassif faz uma síntese do seu diagnóstico sobre a “disputa do poder” pelo crime organizado, clique aqui. Mostra avanços do Sistema Brasileiro de Inteligência no combate a este tipo de crime e a sabotagem que vive no momento.

Gilberto Marotta faz uma excelente análise que aprofunda a questão, clique aqui para conferir 

A tendência, creio, é mais um silêncio constrangedor.

Rio Grande Bagunça do Sul

No dia 10 de março a principal blogueira do principal jornal do PIG do Rio Grande do Sul publicou o seguinte:

Terça-feira, 10 de março de 2009

Cai o ouvidor da Segurança

 

Sem maiores explicações, Adão Paiani foi dispensado da função de ouvidor da Secretaria da Segurança Pública. O mandato está terminando mesmo, mas havia, da parte dele, a expectativa de ser reconduzido. Na última audiência que teve com a governadora Yeda Crusius, Paiani entendeu que tinha sido convidado a permanecer no cargo.

Aguarda-se agora, com expectativa, o relatório que Paiani vai divulgar com o balanço de atividades de sua gestão. A intenção é mostrar as mazelas da segurança — e dar nome aos bois.

Agora, a moça publica que o  “promotor de Lajeado Pedro Rui Fontoura Porto revelando ter fornecido gravações a Paiani no dia 12 de março a pedido do ex-ouvidor. Paiani teria se apresentado como ouvidor, apesar da exoneração, e teria dito que estava em uma missão a pedido da governadora Yeda Crusius“.

Hein? O cara tinha sido exonerado no dia 9/03, a notícia saiu no dia 10, foi repetida no dia 11 e no dia 12. Aí o promotor entrega gravações achando que o ex-ouvidor ainda era ouvidor e que estava numa missão da governadora? 

Como um promotor pode dar uma gravação de uma investigação a alguém que se diz em missão da governadora? 

Que bagunça é essa?

Dallari já sabia: Gilmar Mendes rege a orquestra

Gilmar Dantas Mendes, veio a público ajudar o PIG entender o significado do voto do seu colega do STF, ministro Menezes Direito. Leia aqui: Gilmar Mendes o editor-chefe.  Esqueceu-se de pontificar que até agora nada na lei impede a colaboração da ABIN com a PF. 

STF e Senado: Uma bagunça que deveria acabar

Esse negócio do STF ter membros que jamais foram juízes concursados deveria acabar. 

No Supremo só deveria haver lugar para juízes togados que prestaram concurso público e exerceram a magistratura.

O caso do Gilmar Mendes é exemplar. Foi indicado pelo Presidente da República que o conhecia por ser seu advogado geral da união. E aque advogado da União!

O Senado Federal tem poder demais. Esse bicameralismo no Brasil é exagerado. Toda e qualquer lei precisa passar na Câmara dos Deputados e no Senado.

O Senado sé deveria ser acionado para temas que digam respeito à federação. Jamais deveria ser o órgão que avaliza ou não as indicações do Presidente da República.

Quem conhece o Senado entende perfeitamente que tudo ali funciona para ter um caráter conservador, a começar pelo excessivo poder dado a 81 políticos, 8 anos de cargo initerruptos com a possibilidade de reeleição indefinida. 

Não é coincidência

Agenda do presidente do STF, ministro Gilmar Mendes, para esta terça-feira (17)
…….
18h30 – Recebe os senadores José Agripino Maia (DEM-RN), Arthur Virgílio (PSDB-AM) e Sérgio Guerra (PSDB-PE), e o deputado federal Rodrigo Maia (DEM-RJ). Local: Gabinete da Presidência.”


Publicado em Política

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • A reação do Sul ao “Plano Atlanta” 23/01/2018
    Arnaldo César (*), de Porto Alegre (RS) Durante algum tempo se questionou no Brasil quem eram  os articuladores do golpe que arrancou Dilma Rousseff do poder […]
    Marcelo Auler
  • Por Lula, movimentos populares chegam a POA 22/01/2018
    Marcelo Auler, de Porto Alegre (RS) Pouco depois das 07H00 desta segunda-feira (22/01), 48  horas antes de ter início o julgamento do recurso que a defesa […]
    Arnaldo César
  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • A despedida do Balaio do Kotscho
    Adeus, amigos. Chegou a hora da despedida do Balaio do Kotscho aqui no R7, que publicou meu blog desde 2011. Foram quase seis anos e meio de convívio quase diário, de domingo a domingo (neste último, escrevi sobre o grande Rolando Boldrin, o "Sr.... Continue lendo
  • Última semana para a “reforma política”: eles só querem grana
    Acaba esta semana, no dia 7, o prazo para o Congresso Nacional terminar sua "reforma política" para que as mudanças propostas possam valer já na eleição de 2018. Como os dias úteis das excelências costumam terminar na quinta-feira, o tempo urge... Continue lendo
  • New York Times: provas de Moro contra Lula não seriam aceitas nos EUA 23/01/2018
    Artigo no jornal norte-americano diz que provas que Moro usou para condenar Lula não seriam levadas a sério nos Estados Unidos e que esse processo "empurrou a democracia brasileira para o abismo" O post New York Times: provas de Moro contra Lula não seriam aceitas nos EUA apareceu primeiro em Blog da Cidadania.
    eduguim
  • Blog Limpinho & Cheiroso está no Facebook 04/01/2018
    Por um período, o blog Limpinho & Cheiroso estará apenas no Facebook. Ele voltará nessa plataforma no período eleitoral. Para acessá-lo na rede social do Mark Zuckerberg, clique em Facebook para seguir o blog. Há braços de luta.
    bloglimpinhoecheiroso

Parece que o URL do site WordPress foi configurado incorretamente. Verifique o URL nas configurações do widget.

%d blogueiros gostam disto: