Prudências e Imprudências

Bizarro

Escândalo: Investigadores investigavam.

Denúncia e não denúncia

Delegado há mais de 20 anos. Atuou em 5 regiões de São Paulo. Declara:

 “A venda de cargos existe mais ou menos desde 2001,  desde o governo  Geraldo Alckmin. A corrupção na  Polícia sempre  existiu, mas hoje praticamente se  tornou uma  obrigação funcional. E o dinheiro  arrecadado não pára só na Polícia não.”

A Radioagência NP fez uma entrevista com este  delegado. Dois blogs dele foram expurgados do google  por ordem judicial.

 A íntegra da entrevista está aqui.

 Será que a denúncia foi veiculada no JN, que deveria  ser uma concessão pública e não um instrumento do jogo político da famiglia marinho?

Crítica e contra-crítica

Aqui está a crítica escrita na TiViBrasil em relação ao post de Zé Dirceu sobre Veja e Protógenes. E aqui está a resposta do Zé Dirceu a todos que o criticaram.

Vendas no varejo crescem 6%

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o crescimento das vendas no varejo em janeiro foi de  6% ante igual mês de 2008. O crescimento em relação a dezembro de 2008 foi de 1,4%. Descontada a inflação.

Prudentemente, Miriam Leitão alerta: “A dúvida que ainda permanece é se essa alta é sustentável ou apenas pontual, como reflexo das liquidações e desova de estoques que ocorreram. Isso ainda não se sabe”.

Imprudentemente, Miriam Leitão declarou o Brasil tecnicamente em recessão. Chute que pode até acertar, como qualquer chute entre duas alternativas. Cara ou Coroa. Revela mais torcida do que análise.

Noticiado em "A louca ataca de novo"

 

Crédito imobiliário cresce 17,5% em janeiro.
13 de março de 2009

O volume de financiamento imobiliário aumentou R$ 1,9 bilhão em janeiro deste ano, alta de 17,45% na comparação com o mesmo mês em 2008, segundo a Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip). No primeiro mês de 2009, foram financiadas 17,7 mil unidades, um crescimento de 3,85% ante janeiro do ano passado. Nos últimos 12 meses, o aumento foi de 57,9% e o número de unidades financiadas foi superior a 300 mil, somando R$ 30,3 bilhões. Já na comparação com 2008, a queda foi de 24,9%. Isso porque, em dezembro, período em que as concessões são mais altas, o patamar de liberações foi de R$ 2,5 bilhões. Além disso, em agosto, as concessões atingiram R$ 3,4 bilhões. Os dados referem-se às operações com recursos da caderneta de poupança feitas pelos agentes do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE).

Mantras econométricos

“legitimaram e popularizaram a ideia de que um setor financeiro sem amarras representava um benefício para a sociedade. Eles falavam quase de maneira unânime quando se tratava dos ‘perigos da regulamentação excessiva do governo’. Seu conhecimento técnico – ou o que se assemelhava a isso à época – lhes conferiu uma posição privilegiada de formadores de opinião, bem como acesso aos corredores do poder”.

[…] [Resumo do mantra] “os mercados são eficientes, a inovação financeira transfere risco aos melhor capacitados para arcá-lo, a auto-regulamentação funciona melhor e a intervenção do governo é ineficaz e prejudicial” (Dani Rodrik).

Cobrança

Nos EUA, há uma forte cobrança sobre os analistas, jornalistas e economistas que deram guarida à fraude e à ilusão de que o neoliberalismo seria bom para todos.


Aqui comemoram a independência do Banco Central

A musa do PIG disse:

“O Copom fez o maior corte da história recente mas a maioria das pessoas achou pouco diante da gravidade da crise. Pelo menos, o Banco Central tomou um decisão técnica e preservou sua autonomia”.

Uma queda maior dos juros liberaria mais dinheiro para o governo gastar em setores que não tendem a entesourar o dinheiro. A esse passo de cágado, patinaremos na mediocridade.

Recompensas: Especialistas do Passado dão Pitaco

No Diário Gauche, leio o post: […]Ligo a televisão e vejo o ex-ministro da Fazenda, Maílson da Nóbrega, na qualidade de “especialista” dando pitacos furadíssimos sobre o futuro da economia brasileira. Na TV Globo, oito e meia da noite. Inacreditável.

Maílson como “especialista” sobre o futuro. Inacreditável. Esse é o padrão da mídia brasuca.               

Você assiste e lê diariamente no rádio, na TV, nos jornais, os velhos cães comedores de ovelha da ditadura, do governo Sarney (caso de Maílson), do governo Collor e do Farol de Alexandria virem a público – com a face mais amadeirada da paróquia – darem sua palavra de “especialistas” sobre o futuro. Gente que ajudou a montar tijolo por tijolo a fortaleza hegemônica do capital financeiro no País. Hoje, quando os fundamentos do sistema começam a ruir no mundo todo, eles seguem sendo ouvidos e prestigiados pela mídia, como se tudo fosse um leve resfriado infantil.

Esses “especialistas” – todos – , inclusive os comentaristas das emissoras, as velhas raposas já sem focinho, como a inefável Mirian Leitão, fazem parte do passado. Não têm a mais mínima responsabilidade e conhecimento para falar do presente e do futuro.

Nos primórdios do que hoje é a decadente indústria automotiva, lá pelo final do século 19, proliferavam, tanto nos Estados Unidos, quanto na Inglaterra, as pequenas oficinas que montavam de forma improvisada os veículos movidos a motor de explosão. Os carros vinham, então, com dois assentos, um para o condutor, outro para o mecânico. O comprador casava com o mecânico. Cada carro era único, mesmo aquele “fabricado”pela mesma oficina-montadora. Henry Ford viu isso e não se conformou. Tratou de padronizar a produção, com engenho e método. Adotando os ensinamentos cartesianos do engenheiro Frederik Taylor, funda o paradigma da produção seriada de mercadorias, revolucionando o sistema e criando a sociedade de consumo tal como a conhecemos.

A mídia brasileira não se deu conta que os paradigmas e conceitos com os quais opera estão obsoletos. Continua “fabricando automóveis” com os velhos mecânicos da manufatura artesanal.

Enquanto o Financial Times dedica uma página inteira ao pensador Slavoj Zizek, o New York Times tem como colunistas semanais, Nouriel Roubini e Paul Krugman, a TV Globo está ouvindo e dando credibilidade a Maílson da Nóbrega, velho taifeiro de terceira classe dos banqueiros tupinambás.

Coisas da vida.

Publicado em Notícias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • Ordem no cabaré 23/09/2017
    Arnaldo César (*) Gostem ou desgostem, o recado está dado: Ou, o executivo, o legislativo e o judiciário tomam tenência na vida e acabam com essa […] O post Ordem no cabaré apareceu primeiro em Marcelo Auler.
    Marcelo Auler
  • Práticas espúrias do Congresso no banco dos réus 22/09/2017
    Marcelo Auler Pode parecer mais uma atividade de denúncia do nosso sistema político espúrio, corrupto e, para muitos, falido. Mas, a realização da 4ª Sessão do […] O post Práticas espúrias do Congresso no banco dos réus apareceu primeiro em Marcelo Auler.
    Marcelo Auler
  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • Nova denúncia contra Temer: vale a pena ver tudo de novo?
    É como reprise de novela: você já conhece o elenco, a trama e o final. Os personagens são os mesmos. Vale a pena ver tudo de novo? A partir desta segunda-feira, a Câmara deixa tudo de lado para julgar a nova denúncia apresentada pela PGR contra o... Continue lendo
  • Dorival erra feio nas substituições e estraga festa no Morumbi
    Tinha tudo para ser uma grande festa Tricolor no Morumbi lotado por mais um público recorde na manhã deste domingo. Até a metade do segundo tempo, o São Paulo vinha fazendo sua melhor partida sob o comando de Dorival Júnior, dominava completamente... Continue lendo
  • Brasil começa a crer que sofreu golpe de Estado 25/09/2017
    Foi quase de enlouquecer ter visto o povo brasileiro apoiando a derrubada de um governo que era a única coisa que defendia esse mesmo povo da sanha saqueadora dos tucanos e dos peemedebês. Os brasileiros conscientes sofremos essa tortura. Pela pátria. Mas começamos a ser redimidos. Já não era sem tempo...
    eduguim
  • Desigualdade, desemprego e violência: Assim é o país do ajuste fiscal de Meirelles 25/09/2017
    Programa de reformas do ministro da Fazenda é voltado a 0,2% da população, agrava disparidades sociais e econômicas e pretende promover um retorno ao período anterior a 1930. Samuel Pinheiro Guimarães, via RBA em 17/9/2017 1) O programa econômico do senhor Henrique Meirelles, atual ministro da Fazenda; ex-presidente do BankBoston entre 1996 e 1999 e […] […]
    bloglimpinhoecheiroso
  • Membro do MBL que pintou muro de Doria ganha boquinha na prefeitura 25/09/2017
    João Doria (PSDB) contratou um integrante do MBL (Movimento Brasil Livre) que ajudou a apagar uma pichação feita por manifestantes na casa do prefeito, nos Jardins (zona oeste de SP). O gesto mostra... Blog de política Brasil. Os amigos do Presidente Lula
    noreply@blogger.com (Helena™)
  • Ipsos: cai desaprovação a Lula e sobe rejeição a Moro e Bolsonaro 25/09/2017
    O ex-presidente Lula teve seu índice de desaprovação reduzido e sua taxa de aprovação ampliada em setembro na comparação com o mês anterior, segundo o mais recente Barômetro Político, pesquisa mensal... Blog de política Brasil. Os amigos do Presidente Lula
    noreply@blogger.com (Helena™)

Parece que o URL do site WordPress foi configurado incorretamente. Verifique o URL nas configurações do widget.

%d blogueiros gostam disto: